Últimos assuntos
» RFactor+Mod’s F1 2010+Track Pack
por falcao Sab Out 02, 2010 6:00 pm

» Adeus Miguel!
por falcao Sab Out 02, 2010 5:59 pm

» Otamendi esta no Porto
por falcao Sab Out 02, 2010 5:58 pm

» Pes 2011 ou fifa 2011
por falcao Dom Set 26, 2010 3:06 pm

» Site elege as dez melhores músicas do Nirvana
por falcao Sab Set 25, 2010 9:46 pm

» Qual a melhor equipa do campeonato inglês?
por falcao Qua Set 22, 2010 2:13 am

» Chelsea CAMPEÃO
por falcao Qua Set 22, 2010 2:11 am

» La Vie est Belle
por falcao Qua Set 22, 2010 2:09 am

» A queda
por falcao Ter Set 21, 2010 11:58 pm

Ebuddy
Mundial 2010

Jogo de computador 'gerou' técnico precoce

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Jogo de computador 'gerou' técnico precoce

Mensagem por ruipfmendes em Sex Jun 04, 2010 4:17 pm



Artigo publicado no DN


Sucessor de Jesualdo Ferreira enviou um sms a agradecer aos atletas da Académica

Quem trabalhou de perto com André Villas-Boas, que hoje é apresentado como novo treinador do FC Porto, não hesita em dizer que o técnico incorpora, na perfeição, o título de estudioso do futebol.

O precoce fascínio pela modalidade manifestou-se desde a sua adolescência quando passava horas à frente do computador, a comandar as equipas virtuais do jogo Championship Manager.

O passatempo, que ainda hoje o cativa, era depois complementado com a pesquisa de novos craques, onde as cadernetas, livros e jornais eram ferramentas acessórias nas suas primeiras análises.

Com 17 anos superou a timidez e meteu conversa com o vizinho Bobby Robson, então treinador do FC Porto, que admirado pelos conhecimentos do pequeno Villas-Boas sugeriu-lhe tirar um curso de treinador, abrindo-lhe algumas portas de formação em Inglaterra.

A partir daí entrou nas camadas jovens do FC Porto, abraçou a invulgar experiência de comandar a selecção das Ilhas Virgens Britânicas, e quando Mourinho passou a comandar os "dragões" tornou-se membro da sua equipa técnica.

Na carreira ascendente de Mourinho, Villas-Boas foi parceiro fundamental, até 2009, quando deixou o Special One tentar a sua primeira experiência a solo, na Académica. Aí, a enorme cumplicidade que cultivou com os jogadores deixou-os rendidos às qualidades técnicas e humanas do jovem técnico que, sempre com a porta do seu gabinete aberta, elegeu a união de grupo como palavra-chave do sucesso. Basta dizer, a título de exemplo, que sempre que um seu atleta foi submetido a uma operação cirúrgica, Villas Boas esteve presente junto ao bloco, para ser dos primeiros a dar uma palavra de incentivo.

Trabalhador nato, André Villas Boas não raras vezes entrava no complexo desportivo da Académica às 7.30, almoçava nas instalações do clube, e, entre os treinos, desenvolvia o seu trabalho com análises minuciosas na prospecção de jogadores, visualização de vídeos sobre os adversários e anteriores exibições da sua equipa.

A proximidade com o grupo foi de tal forma evidente que na hora da saída, enviou um SMS aos atletas com as seguintes palavras: "Despeço-me agora de vocês, mas foi um enorme prazer trabalhar com este grupo. Ficarão certamente na minha memória. Isto não é um adeus mas um até breve…"

_________________________________________________
Sporting 4ever


ruipfmendes
LifeRuler
LifeRuler

Mensagens : 687
Data de inscrição : 16/04/2010
Idade : 23
Localização : Vila Verde

http://www.teenspirit.my-goo.net

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum